Família faz vaquinha virtual para tratamento de menino com paralisia cerebral em São Carlos

Pais de um menino de 6 anos que tem paralisia cerebral criaram uma vaquinha virtual para conseguir R$ 75 mil para pagar a viagem e o tratamento da criança em Curitiba (PR).

Vinícius mora em São Carlos (SP) e faz fisioterapia desde que tinha nove meses de idade por um método chileno que a mãe, Ana Amélia Maricondi Lavoie, descobriu nas redes sociais, que estimula a criança a usar o próprio corpo, em vez de equipamentos e acessórios, para ganhar força, equilíbrio e coordenação.

As atividades realizadas em uma clínica utilizam caixas que simulam degraus e um suporte de madeira para andar em cima. Há quatro meses o menino conseguiu colocar os pés para fora da caixa, o que a fisioterapeuta considera uma grande evolução.

[button color=”red” size=”medium” link=”https://www.vakinha.com.br/vaquinha/477783″ target=”blank” ]QUERO DOAR![/button]

 

CAMPANHA

Há quase 6 anos atrás nascia o Vini, uma criança linda, esperta, inteligente, carinhosa, alegre e feliz acima de tudo, que em seu nascimento sofreu uma anóxia neonatal ( falta de oxigênio) e assim foi diagnosticado com Paralisia Cerebral, a partir daquele momento, nós, os pais do Vini, começamos nossa caminhada na busca pela recuperação do Vini, assim, desde muito cedo o Vini sempre esteve exposto a diversas terapias diárias, passou por alguns procedimentos cirúrgicos no decorrer destes quase 6 anos e assim queremos continuar nossa caminhada.

Vini apresenta Paralisia Cerebral do tipo Tetraparesia Espástica, isso quer dizer que ele tem dificuldades motoras que o impede de fazer atividades simples do dia a dia sem auxílio, pois seu acometimento se dá em braços, pernas e tronco, além de apresentar o tônus muscular alterado, porém tudo isso pode melhorar muito com fisioterapia adequada as necessidades do Vini, existem diferentes métodos de fisioterapia, e o Vini já experimentou 3 desses métodos, sendo o último, iniciado em outubro de 2018, surpreendente nas respostas e evolução do Vini em tão pouco tempo, este método se chama CME, método chileno, no qual vimos o Vini potencializar suas capacidades apenas com exercícios, sem cirurgias ou acessórios. No entanto sabemos que o caminho é longo e o investimento alto e por isso precisamos da ajuda de todos para que consigamos proporcionar este tratamento ao Vini, que vai poder garantir a ele a chance de ter cada vez mais independência e autonomia, podendo assim ter uma vida melhor. Interromper o tratamento agora significaria comprometer sua evolução e com isso seu futuro.

É uma corrida contra o tempo, pois quanto mais nova a criança maiores as chances de obter grandes evoluções e conquistar grandes capacidades e habilidades, sendo nosso maior objetivo que o Vini caminhe independente, e por isso hoje estamos aqui unidos caminhando com o Vini.

Ele é uma criança que tem um bom prognóstico, mas para que isso se concretize é necessário que ele tenha seu tratamento garantido de forma regular e contínua, até que suas funções sejam reestabelecidas ou exploradas ao máximo de sua capacidade, atualmente precisamos de gente para caminhar junto e ajudar a garantir este tratamento, assim nesta campanha inicial temos como objetivo arrecadar o valor referente a 1 ano de tratamento no método CME, este valor inclui 4 intensivos de fisioterapia por ano ( 2 sessões por dia, durante 15 dias), com profissional CME nível 4, e a manutenção de fisioterapia (1 sessão por dia, 3 vezes por semana) por profissional CME nível 1, que é feito entre os intensivos.

Para conhecer melhor a história do Vini e nossa caminhada convido a todos para nos seguir no instagram “@caminhandocomovini” e curtir nossa página no facebook “https://www.facebook.com/Caminhandocomovini”

E aí, vamos caminhar com a gente?

[button color=”red” size=”medium” link=”https://www.vakinha.com.br/vaquinha/477783″ target=”blank” ]QUERO DOAR![/button]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.